HISTÓRIA

Estrada da Fome.

É como se chama a estrada que ligam os municípios de Belágua, Marajá do Sena e Fernando Falcão: três das cinco cidades mais pobres do Brasil. Durante todo o trajeto, podemos presenciar um mal que assombra a realidade de muitos brasileiros: A fome.

Ao visitar os lençóis maranhenses em 2018, os fundadores encontraram a "Estrada da Fome", e presenciaram o estado das famílias que ali viviam. Precisavam tomar uma atitude. No término da viagem, compraram cestas básicas que podiam conseguir no momento e fizeram o caminho de volta, distribuindo ao longo do caminho.

De volta no Rio de Janeiro, fundou-se o Instituto Gota D'água.

Atualmente, o instituto distribui alimentos, brinquedos e outras necessidades das famílias todos os anos. Além da viagem anual para realizar as doações, o Instituto Gota D'água também realiza outros projetos ao longo do ano.